Como se adaptar a vida em moradias compartilhadas e repúblicas

dividir_apartamento

É muito comum entre os estudantes, principalmente os universitários, ter que deixar a casa dos pais e morar em casas compartilhadas, repúblicas, durante o período de estudos. Afinal, as maiores universidades costumam estar localizadas em cidades grandes, assim, quando a família do aluno mora longe, acaba sendo mais viável que ele se mude e compartilhe uma moradia com outros estudantes.

Deixar a casa dos pais para morar em uma república é uma ideia que anima muitos jovens, afinal, significa que terão mais liberdade e vão se sentir mais independentes. No entanto, esse processo de adaptação à nova moradia e à nova vida que vem junto com ela pode ser complicado. A partir de agora, confira algumas dicas úteis para se adaptar em repúblicas e casas compartilhadas de modo geral.

Se você for morar em uma república, a primeira dica é pesquisar as opções e saber quais são as regras estabelecidas em cada moradia, antes de se decidir por uma delas. Depois que você já estiver morando, terá que obedecer às normas para não se indispor com os demais, de modo que, se tiver conhecimento delas com antecedência, tudo tende a ficar mais fácil. Vá visitar a sua possível futura casa pessoalmente, para conhecer o local e os outros moradores, assim, você já pode começar a sentir se aquele “clima” lhe agrada.

Organização é fundamental para quem compartilha a casa com outros estudantes. Deixe seus objetos pessoais sempre nos devidos lugares para não invadir o espaço de ninguém. É possível que uma das normas da casa seja que todos colaborem com a limpeza, nesse caso, organize bem a rotina para dar conta de cumprir as suas tarefas a contento. Se for necessário, negocie alterações de datas de limpeza, por exemplo, com os outros moradores.

A mesma organização que você deve ter com seus pertences, é válida para o pagamento das despesas, sempre dentro dos prazos. No início, monte tabelas para tudo que precisa ser cumprido dentro de um tempo determinado (como pagamentos e execução de tarefas), isso vai ajudar até que tenha se adaptado totalmente com a rotina.

Muito cuidado para não se indispor com os outros moradores da república por coisas sem importância! Não custa nada maneirar no volume do som, controlar um pouco a entrada e saída de visitas ou tentar dialogar quando tiver algum problema. A cordialidade e o bom senso são fundamentais para quem compartilha a moradia e quer ter uma convivência agradável.

Lembre-se que na república o espaço é de todos os que moram lá, por isso, respeito é fundamental. Se possível, tente formar relações próximas com os seus colegas de moradia, isso pode ser útil para quem está tentando se adaptar a uma nova cidade, por exemplo. Fazer amigos é importante para começar essa nova fase com o pé direito!

A boa notícia é que as dificuldades normalmente são amenizadas dentro de três meses, que é o tempo natural de adaptação. Depois, tudo se torna mais fácil e automático, e a convivência muito mais agradável!

 

  • Está procurando uma moradia ou novos roommates? Nós te ajudamos! 🙂

    Encontre quartos, apartamentos para alugar e pessoas para dividir o aluguel. Cadastre-se já no WebQuarto. Totalmente grátis!